Notícias

IAC: 30 anos ao serviço da Criança

so logo iac

O Instituto de Apoio à Criança foi fundado em 1983 com o objetivo fundamental do desenvolvimento integral da Criança e a Defesa dos seus Direitos, procurando em cada momento ser a Voz que chama a atenção, pressiona, atua, realiza ações que ajudem a que mais Crianças vivam com alegria o tempo de ser Crianças.

Um grupo de pessoas de diferentes áreas profissionais, médicos, magistrados, professores, psicólogos, técnicos de serviço social, educadores – deram vida a um Projeto novo de esperança de um mundo melhor, para as nossas Crianças, onde a paz, a dignidade, a tolerância, a igualdade e a solidariedade fossem uma realidade mais sentida e realizada no dia-a-dia por todos nós.

De salientar que o IAC foi criado em 1983 e só em 1989 foi aprovado pelas Nações Unidas a Convenção dos Direitos da Criança.

Em Portugal, como acontece na maioria dos outros países é hoje notória uma maior preocupação pela criança, encarada como sujeito de direitos. Direitos que abrangem não apenas os direitos civis, mas também os económicos, culturais e sociais e até novos direitos como o direito a um ambiente saudável, onde a criança possa crescer e desenvolver-se equilibradamente.

Nesse caminho percorrido em defesa de melhores condições, de mais bem-estar, e de mais dignidade para a infância, o Instituto de Apoio à Criança tem também o seu lugar.

Fundamentalmente com programas de informação e sensibilização, mas também com uma aposta muito forte em projetos de intervenção direta, em áreas não cobertas anteriormente pelo Estado, nem por outras entidades. Nesta perspetiva o problema das crianças em risco, abandonadas ou maltratadas ou abusadas sexualmente foi desde logo a nossa grande prioridade.

Com o nosso impulso, pela primeira vez se falou, pública e pluridisciplinarmente de problemas gravíssimos que atingem as nossas crianças como por exemplo a criança maltratada e vítima de abuso sexual, assim como a divulgação de experiências de intervenção comunitária e as várias formas de acolhimento às crianças em idade pré-escolar. De salientar o dinamismo dos Projetos de Trabalho de Rua em Família para Crescer, único projeto inovador aprovado para Portugal em 1989 ao abrigo do Programa de Luta Contra a Pobreza da Comunidade Europeia, o SOS – Criança (116 111) que não existia em Portugal e através do qual desde 1988 muitas Crianças têm sido salvas, o SOS – Criança Desaparecida (116 000). Desde 2001 o IAC integra a Federação Europeia para as Crianças Desaparecidas e Exploradas Sexualmente.

Também a Atividade Lúdica com mais de 700 espaços lúdicos criados pelo IACe a Humanização dos Serviços de Atendimento à Criança em Pediatria, têm tido o maior dinamismo por todo o país, através do qual por exemplo se tem procurado ajudar a criar um ambiente de mais conforto e calor humano para as nossas Crianças e Jovens e suas Famílias. De salientar, neste aspeto a Carta da Criança Hospitalizada que está em todos os Hospitais Pediátricos e Centros de Saúde.

O IAC tem ainda o Centro de Estudos, Documentação e Informação sobre a Criança que utilizando os meios informáticos mais atuais apoia técnicos de diferentes instituições, alunos de diferentes graus de ensino, especialmente do ensino superior, comunicação social e a comunidade em geral.

O Serviço Jurídico destaca-se pelo atendimento e encaminhamento jurídico de casos concretos e a divulgação da legislação relativa à criança, como é exemplo a publicação da 3ª edição do Guia dos Direitos da Criança, compilação de toda a legislação existente sobre a Criança. Na área das Relações Externas o IAC promove e desenvolve contactos com entidades nacionais e internacionais preocupadas com as políticas de proteção à infância e juventude

A Defesa e Promoção dos Direitos da Criança é sempre o nosso grande objetivo e prioridade e atento às novas realidades do nosso tempo, o IAC apresentou já na Assembleia da República um documento sobre o Superior Interesse da Criança, no sentido de que se faça uma reflexão profunda sobre esta área, quando estão em conflito diferentes interesses, como por exemplo o caso dos pais biológicos e os afetivos ou divórcio ou separação dos pais.

De mãos dadas com outras instituições, dividindo e comungando saberes, damos assim voz às pessoas que trabalham no terreno, fomentamos redes informais e projetos inovadores, num profundo sentido de responsabilidade e consciência cívica.

Com a meta de contribuirmos para a construção de um futuro menos doloroso para as nossas crianças, o IAC, hoje, continua a caminhada, e quer fazer mais e melhor, quer chegar cada vez mais longe procurando estimular, apoiar e divulgar o trabalho de todos aqueles que se preocupam com a procura de novas respostas para os problemas da infância em Portugal.

Com saber técnico e amor continuaremos a implementar a utopia de servir a CRIANÇA.

Manuela Ramalho Eanes

Presidente do Instituto de Apoio à Criança

PDF: Aniversário do IAC

PDF: Poema de Matilde Rosa Araújo

Investir nas Crianças: Uma Recomendação da CE

logo uniao europeia

A Comissão Europeia aprovou uma recomendação, em 20 de fevereiro de 2013, dirigida aos Estados-membros para que estes organizem e implementem políticas para combater a pobreza infantil e a exclusão social, promovendo o bem-estar das crianças, através dos princípios consagrados na Convenção sobre os Direitos da Criança, convidando-os a desenvolverem estratégias integradas, baseadas no acesso a recursos adequados, apoiando a participação dos pais no mercado de trabalho, providenciando por adequados níveis de vida, através da combinação de benefícios eficientes, designadamente reconhecendo a importância de complementos a nível dos rendimentos das famílias, quer de natureza fiscal, quer em espécie, no que respeita a nutrição, cuidados, educação, saúde, alojamento, transporte e acesso a desporto ou a atividades sócio-culturais. Recomenda ainda o acesso a serviços de qualidade com vista a reduzir as desigualdades, apostando na educação e cuidados precoces, melhorando o impacto dos sistemas destinados a promover a igualdade de oportunidades, assegurando que todas as crianças poderão beneficiar de educação inclusiva de elevada qualidade, de sistemas de saúde que previnam a doença e que promovam os cuidados de saúde, mencionando expressamente as crianças com necessidades especiais e as crianças oriundas de famílias destruturadas ou com história de abuso de substâncias psicotrópicas.

Recomendação: PDF

Cerimónia de entrega dos donativos do ponto t da TMN

A TMN acaba de entregar a catorze Instituições de Sociais 154 mil euros, resultantes dos pontos TMN trocados pelos clientes membros do Ponto t, em 2012, que contribuíram assim para aumentar o bem-estar e a qualidade de vida daqueles que se encontram em situações de maior vulnerabilidade. 

As catorze instituições são a AMI, Aldeias de Crianças SOS, Amnistia Internacional, APPT21, Associação Portuguesa Contra a Leucemia, Fundação Portuguesa ‘A Comunidade Contra a Sida’, Associação Salvador, Centro Comunitário São Cirilo, Dê Mais Coração – Movimento Daniela, Instituto de Apoio à Criança, Liga Portuguesa Contra o Cancro, Novo Futuro, Refúgio Aboim Ascensão e Unicef.

A adesão dos clientes TMN tem vindo a crescer significativamente desde que esta iniciativa foi lançada em 2005. O abraçar as causas de responsabilidade social, tem-se revelado fundamental e, nestes anos, graças ao programa Ponto t que permite a troca de pontos por donativos e ao contributo dos clientes da TMN, já foi possível entregar, a diferentes entidades, aproximadamente 1 milhão de euros.

Fonte: TMN, 2013-02-04

tmn

Falecimento do Dr. Coelho Antunes

 

 
Faleceu o Dr. Coelho Antunes, que foi Vice-Presidente do Instituto de Apoio à Criança durante quase vinte anos, e que deixa uma profunda saudade a todos quantos tiveram o privilégio de trabalhar e conviver com ele.
O Instituto de Apoio à Criança apresenta as suas condolências à família e manifesta a sua solidariedade nesta hora de tão profunda mágoa por esta perda tão dolorosa.
O IAC presta uma sentida homenagem ao Homem íntegro e ao profissional de excelência que soube com elevação contribuir para a promoção dos direitos da criança, salientando sempre a importância da vertente social na educação, que via como motor de desenvolvimento.
O Dr. Coelho Antunes desempenhou funções de coordenação em diversas áreas e setores do IAC que muito beneficiaram dos seus conhecimentos e capacidade esclarecida, designadamente no “Projeto Rua”, no Setor da “Humanização” e no “Centro de Estudos e Documentação”.
 
p1020806ca

 

Fórum sobre os Direitos das Crianças e dos Jovens promove uma Tertúlia sobre "Educação não Formal enquanto promotora de Inclusão"

Este evento, que está incluído num ciclo de tertúlias com o tema "Infância(s) e Pobreza(s): a situação da Criança em Portugal",decorre no próximo dia 15 de janeiro,às 18.00, no espaço Ler Devagar ( Lx Factory), Rua Rodrigues Faria - 103 -G 0.3 -1300-501 Lisboa.
A tertúlia conta com a presença de Wagner Diniz da Orquestra Geração, Natércia Santos da Associação USINA, Miguel Mestre do Grupo de Teatro Contrasenso, Luís Rocha do MEF -Movimento pela Expressão Fotográfica e Fernanda Freitas enquanto moderadora.
Convidamo-lo a participar, enviando a confirmação da sua presença para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para chegar ao local, pode consultar o site do espaço Ler Devagar ou seguir as seguintes orientações:
Sentido Norte-Sul (vindo da A1)
Direções de condução para R. Rodrigues de Faria, Lisboa 1300, Portugal
1. Seguir sul na A1
2.Continuar na E01 (indicações para E80/Lisboa)
3.Seguir pela saída 6 para  Eixo Norte-Sul/IP7 em direcção a Sul/A2
4.Saída em direcção a P. Espanha
5.Convergir com Eixo Norte-Sul
6.Curva ligeira à direita na Av. de Ceuta
7. Continuar na R. João de Oliveira Miguéns
8. Virar à direita na R. Fradesso da Silveira
9.Curva ligeira à direita na Largo das Fontainhas
10.Virar à esquerda para continuar na Largo das Fontainhas
Sentido Sul-Norte (Vindo da A2)
Direções de condução para R. Rodrigues de Faria, Lisboa 1300, Portugal
1.Atravessar a Ponte 25 de Abril
2.Seguir pela saída em direcção a Praça Comércio/Alcântara/Belém
3. Curva ligeira à direita na Praça Gen. Domingos de Oliveira
4.Virar à direita na R. João de Oliveira Miguéns
5.Virar à direita na R. Fradesso da Silveira
6.Curva ligeira à direita no Largo das Fontainhas
7. Virar à esquerda para continuar no Largo das Fontainha
8. Continuar na R. Rodrigues de Faria
tertlia educao no formal  promotora de incluso_15 janeiro 2

Empresa JP Sá Couto oferece equipamentos informáticos ao IAC

A empresa JP Sá Couto decidiu oferecer ao Instituto de Apoio à Criança um conjunto de equipamentos informáticos, nomeadamente quatro computadores Magalhães que se destinam a apoiar o trabalho desenvolvido nos Centros de Desenvolvimento e Inclusão Juvenil do IAC ( CDIJ-Lisboa Oriental e Centro) e seis computadores a serem utilizados pelos técnicos.

Este gesto constitui uma enorme mais-valia para o desenvolvimento das atividades do IAC , contribuindo para a melhoria do desempenho dos seus técnicos e para uma maior rentabilização dos projetos levados a cabo pela instituição.

O IAC mostra-se profundamente reconhecido perante esta atitude generosa da empresa JP Sá Couto.

Bem-haja!

jpsacouto

A APEDS promove campanha de solidariedade social a favor do IAC

A APEDS - Associação Portuguesa de Engenheiros para o Desenvolvimento Social (www.apeds.eu ), com o apoio do LNEC – Laboratório Nacional de Engenharia Civil, do LNEG- Laboratório Nacional de Energia e Geologia, e de todos os seus colaboradores, promovem por ocasião deste Natal uma recolha de alimentos (*), brinquedos e livros infantis a favor do IAC.Nesta ação conta-se com o apoio dos Associados da APEDS, dos colaboradores dos Organismos referidos e de todos os que a ela pretendam aderir, particularmente aos mais próximos do mundo da Engenharia, da Energia e das Geociências.
Apela-se à participação e mobilização de todos em mais esta demonstração de SOLIDARIEDADE e VOLUNTARIADO.

Os donativos podem ser entregues, entre os dias 12 e 19 de dezembro, nos seguintes locais:

LNEC
Av.do Brasil 101 - Lisboa ,Hall da Portaria Principal, junto da árvore de Natal
LNEG
Campus do Lumiar
LNEG
Campus de Alfragide Estrada da Portela, Bairro do Zambujal - Alfragide
Hall da Portaria Principal, junto à Árvore de Natal
LNEG
Laboratório de S. Mamede de Infesta
Rua da Amieira - São Mamede de Infesta
Hall da Portaria Principal, junto à Árvore de Natal
Para mais informações consulte AQUI.

Campanha Solidariedade Social

Dê um pouco mais a quem precisa.
Vai ver que faz a Diferença!

1 a 31 de Dezembro de 2012

A rede de Oficinas Rino entrou no espírito natalício e desenvolveu uma campanha nacional de recolha de bens para apoiar o IAC - Instituto de Apoio À Criança.

Só durante este mês, se der, também irá receber!
- Entregue um saco de brinquedos / roupas para crianças e receberá uma lavagem e um check-up automóvel gratuito.
- Numa troca de pneus (no mínimo 2) ou serviços de manutenção superiores a 50€, 5€ da fatura revertem para o IAC.

Saiba as moradas  das oficinas aderentes em rino.pt.

Oficinas Aderentes:

Aveiro:
Euro Cabrio
Auto Visto
AJAP

Beja:
AMP Chícharo

Castelo Branco:
NCN Automóveis

Leiria:
Salada & Antunes
Auto Mecânica de Caldas
JTT

Lisboa:
Daily Car
Unicautex
Stopcacém

Porto:
Auto Zambeze
Auto Marques
Dom Pistão
Garagem Peixoto
324 Auto
ARL

Santarém:
Soricral

Setúbal:
Auto Nurse
Diacar

Vila Real:
Cartondela

Viseu:
Magnautorino

natal_post

Evento Comemorativo do 23º Aniversário da Convenção sobre os Direitos da Criança

 

 

No dia 20 de novembro, pelas 15 horas, terá lugar o Evento Comemorativo do 23º Aniversário da Convenção sobre os Direitos da Criança, na Cordoaria Nacional, em Lisboa. Este evento é organizado pelo Fórum sobre os Direitos das Crianças e dos Jovens, do qual o Instituto de Apoio à Criança é membro.Os interessados em participar neste evento, enviem a informação para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Para mais informações, consulte o programa.

PROGRAMA

convite2

 

6ª Edição do DIA DA CONSULTA JURÍDICA GRATUITA

Para promover o acesso à informação e consultas jurídicas, o Conselho Distrital de Lisboa da Ordem dos Advogados instituiu o Dia da Consulta Jurídica Gratuita para que todos os cidadãos, nacionais e estrangeiros, possam consultar gratuitamente um advogado. O Instituto de Apoio à Criança é um dos parceiros institucionais que disponibiliza as suas instalações no Largo da Memória, 14, 1349 – 045 Lisboa, para a realização da
Consulta Jurídica Gratuita no dia 08 de novembro de 2012, entre as 10h00 e as 17h00.


 

iac

Largo da Memória, 14, 1349-045 LISBOA +351 213 617 880Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.