Categoria: Livros

Carta da Criança Hospitalizada : Comentários

Carta da Criança Hospitalizada: Comentários

Vinte profissionais (Pediatras, Juízes, Professores, Enfermeiros, etc.) envolvidos na defesa da Criança comentam os dez princípios que fazem parte da Carta da Criança Hospitalizada, à razão de dois por princípio. Desta forma contribuem para que este documento seja melhor conhecido de todos os que se interessam pelo bem-estar da Criança em geral e da hospitalizada em particular, ajudando esta, bem como à sua Família a suportar a dor da doença e da separação.

Carta da Criança Hospitalizada

Carta da Criança Hospitalizada

Esta publicação ilustrada pelo desenhador francês Pef, resume e reafirma os 10 direitos das crianças hospitalizadas e é uma ferramenta muito útil para: profissionais da saúde/ educação, progenitores, público em geral e instituições preocupadas com os direitos da Criança. Os dez pontos da Carta ajudam os médicos e enfermeiros a olhar a criança, a sua família e todos aqueles que dela cuidam, como uma unidade e a aceitar as crianças como parceiros em todas as áreas dos cuidados de saúde. Clique para ler.

Aspectos Psicopedagógicos da Actividade Lúdica

Publicação da intervenção do prof. Arquimedes Santos na 1ª Mostra de Materiais Pedagógicos, na Escola Superior de Educação de Setúbal, em Novembro de 1988. No prefácio, a Dr.ª Natália Pais do IAC, escreve que “o contributo deste trabalho para o desenvolvimento da actividade lúdica, sobretudo na sua vertente psicopedagógica, completa a noção do brinquedo na sua relação com a função simbólica”. Clique para ler.

Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?

Alerta Premika! : Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?

O primeiro volume da coleção “Alerta Premika! Risco online detetado”, uma coleção para crianças do 1.º e 2.º ciclos no âmbito da segurança na Internet. Para além da história, o livro possui um conjunto de “dicas” para navegar na Internet em segurança, que podem ser lidas e discutidas em família, e um glossário. Clique para comprar.

A Dor é... Sempre que Dói: Resumos do Encontro

A Dor é… Sempre que Dói: Resumos do Encontro

A negação da dor na criança é uma postura ancestral e ainda não abandonada. Provam-no inúmeros testemunhos e os procedimentos usados, por quem tem o dever, se não profissional pelo menos ético, de controlar a dor. É nosso obectivo fazer a avaliação informal das atitudes e comportamentos actuais perante a dor na criança e procurar consensos quanto aos procedimentos a adoptar.

A Dor na Criança: Guia de Atitudes e Procedimentos

A Dor na Criança: Guia de Atitudes e Procedimentos

O IAC, desde sempre na vanguarda da humanização no tratamento da Criança, publica este guia, útil e prático, como ferramenta para o dia a dia dos operacionais que nas múltiplas vertentes estão no terreno no combate à Dor em Pediatria. Este guia sugere métodos de avaliação, medição e registo da dor, assim como propõe planos terapêuticos de analgesia multimodal farmacológica e não farmacológica.

A Dor na Criança: Atendimento de Crianças e Jovens nos Centros de Saúde

A Dor na Criança: Atendimento de Crianças e Jovens nos Centros de Saúde

Esta publicação nasceu no sector da Humanização dos Serviços de Atendimento à Criança do IAC. Tem por objectivos caracterizar os recursos humanos assim como identificar e caracterizar as condições de acolhimento/atendimento que suportam o atendimento dos jovens nos Centros de Saúde. Estuda as atitudes e comportamentos dos profissionais perante a dor na criança e quais os procedimentos específicos dos cuidados de saúde primários. Clique para ler.

A Criança e os Serviços de Saúde : Humanizar o Atendimento : Actas do Encontro

A Criança e os Serviços de Saúde: Humanizar o Atendimento: Actas do Encontro

Publicação das Actas do Encontro com o mesmo título organizado pelo IAC na Fundação Calouste Gulbenkian em Janeiro de 1996. As mais de 3 dezenas de contribuições contribuíram para um diagnóstico de situação sobre a Humanização no atendimento às crianças e jovens nos serviços de saúde portugueses, bem como para divulgar a Carta Europeia da Criança Hospitalizada.

Acolhimento e Estadia da Criança e do Jovem no Hospital

Acolhimento e Estadia da Criança e do Jovem no Hospital

Este guia nasceu no sector da Humanização dos Serviços de Atendimento à Criança do IAC e foi financiado pela Fundação GlaxoSmithkline das Ciências de Saúde. Tem por objectivos dar conhecimento da realidade nacional e facilitar a reflexão e a identificação das mudanças necessárias quer ao nível dos comportamentos, quer das práticas profissionais. As 335 páginas deste livro dividem-se em três capítulos. No primeiro, 37 profissionais dão a sua opinião sobre várias vertentes do acolhimento em hospitais; No segundo inclui-se o estudo “Acolhimento e Estadia das Crianças nos Serviços de Saúde”; No terceiro figuram 104 fichas caracterizando hospitais portugueses, dos quais 91 recebem e acolhem crianças. Clique para ler.