Categoria: Saúde

Cartaz da Carta da Criança Hospitalizada

Esta publicação ilustrada pelo desenhador francês Pef, resume e reafirma os 10 direitos das crianças hospitalizadas e é uma ferramenta muito útil para: profissionais da saúde/ educação, progenitores, público em geral e instituições preocupadas com os direitos da Criança. Os dez pontos da Carta ajudam os médicos e enfermeiros a olhar a criança, a sua família e todos aqueles que dela cuidam, como uma unidade e a aceitar as crianças como parceiros em todas as áreas dos cuidados de saúde. Clique para visualizar.

Sol e o Centro de Saúde

Sol é uma criança como todas as outras. Ela vai ajudar a desmistificar os receios relacionados com procedimentos clínicos. Através de uma narrativa simples, este conto infantil pretende sensibilizar crianças e adultos para a importância dos Direitos da Criança no contexto da Saúde. Clique para visualizar.

Carta da Criança nos Cuidados de Saúde Primários

A Carta da Criança Hospitalizada (CCH), adotada em 1988 em Leiden (Holanda), consagra os direitos da criança antes, durante e depois de um internamento hospitalar. O Sector da Humanização do Instituto de Apoio à Criança lançou, em 1996, a 1ª edição da CCH em Portugal com os objetivos de sensibilizar a comunidade em geral para os direitos da criança nos serviços de saúde e aumentar a literacia em saúde das crianças e famílias. Desde a 1ª edição, foram editados um total de 17 500 exemplares da Carta. A divulgação desta Carta teve um efeito muito positivo na humanização dos serviços de Pediatria Hospitalar, envolvendo todos os profissionais de saúde, as famílias e as crianças no seu cumprimento. Depois de anos percorridos em pediatrias dos hospitais proclamando os direitos das crianças nestes contextos, emergiu a vontade de sensibilizar profissionais, famílias e as próprias crianças sobre os seus direitos, no contexto dos cuidados de saúde primários, que têm sido a prioridade em detrimento de internamentos e tratamentos em meio hospitalar. Assim, 2021 ficará marcado como o ano de lançamento da “Carta da Criança nos Cuidados de Saúde Primários”. Clique para visualizar.