Categoria: Maus Tratos e Negligência

Desafios da Parentalidade: Bater não é Educar!

O Instituto de Apoio à Criança lançou a campanha “Nem mais uma palmada: Pela eliminação dos castigos corporais”, no dia 22 de fevereiro de 2022, de modo a sensibilizar, alertar e combater a violência contra as crianças, focando-se especialmente nos castigos corporais. Neste pequeno livro vamos abordar temas relacionados com os castigos corporais, tais como…

Descarregar no separador Direitos da Criança / Recursos

Comportamentos autolesivos e suicidários na adolescência: identificar para ajudar

A adolescência corresponde a uma etapa de desenvolvimento com diversos desafios e vulnerabilidades, impelindo a uma adaptação não só em aspetos de cariz pessoal como de natureza interpessoal. Perante as vulnerabilidades existentes nesta etapa de desenvolvimento existe uma tendência para os comportamentos de risco que se apresentam como um sinal de sofrimento cada vez mais frequente na adolescência, atingindo proporções alarmantes. Neste sentido, parece-nos muito pertinente e imperativo a abordagem de questões do foro mental, nomeadamente os comportamentos autolesivos e suicidários na adolescência. Pretendemos assim que esta publicação possa ser um guia útil no sentido da prevenção, da deteção de sinais de alerta, da leitura de comportamentos e atitudes e de algumas pistas para uma adequada intervenção. Clique para visualizar.

Os Direitos das Crianças Vítimas de Exploração Sexual e Abuso

Os Direitos das Crianças Vítimas de Exploração Sexual e Abuso

Os Direitos são aquilo que toda a criança precisa para ser feliz, saudável e sentir-se segura, e os adultos como os teus pais, professores ou o governo do teu país, devem-te proporcionar oportunidades para usufruíres os teus direitos. Este folheto fala sobre os teus Direitos listados pela Convenção sobre os Direitos da Criança (CDC), o Protocolo Facultativo à Convenção sobre os Direitos das Crianças relativo à venda de crianças, prostituição e pornografia infantis, e outras ameaças sobre as crianças. As crianças como tu ajudaram a escrever este folheto para que tu compreendas e descubras como podes obter a proteção e os cuidados a que tens direito. A Convenção tem 4 Princípios Gerais que devem ser aplicados a todos os Direitos da Criança. Clique para ler.